SOLIDÁRIO /

Quarta-feira, 14 de Agosto de 2019, 07h:00

A | A | A

Só Risos leva humanização, amor e alegria aos hospitais

O grupo nasceu há dois anos e atualmente conta com 40 integrantes


Imagem de Capa
Driely Pinotti

É de jaleco branco, laços, fitas coloridas e com o inconfundível nariz vermelho, característica dos palhaços, que são sinônimos de alegria, que o grupo de voluntários hospitalar, Só Risos, invade os hospitais e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para transformar a rotina dos pacientes com amor, acolhimento e palavras de conforto. O grupo nasceu há dois anos e atualmente conta com 40 integrantes.

Conforme João Lucas Gelipse, um dos coordenadores do Só Risos, o objetivo do grupo é minimizar as consequências das doenças e do ambiente dos hospitais, por meio da humanização e contagiar as pessoas com carinho e alegria. “As pesquisas comprovam que a alegria proporciona sensação de bem-estar, tranquilidade, relaxa o corpo e mente. E, é exatamente isso que fazemos, buscamos entender o histórico de cada paciente, para então sabermos qual ferramenta que utilizaremos; música, brincadeira escuta-ativa”, disse.

Ele ainda explicou que os voluntários antes de realizar a abordagem fazem uma apuração do quadro clínico, para que de uma forma sensível, seja possível humanizar as pessoas e ambiente. “Sempre digo que o paciente não tem escolha sobre tomar ou não a medicação, mas pode optar em não nos receber e respeitamos isso. Mas na maioria das vezes somos bem aceitos e percebemos a importância do trabalho na medida em que começamos a colher os testemunhos dos profissionais da saúde e pacientes”, afirmou.

 

CAPACITAÇÃO

A técnica utilizada nos hospitais vai muito além do humor, por isso, é preciso que seja feito um treinamento. Conforme João Lucas, o grupo iniciou apenas com o amor, mas em seguida percebeu a necessidade e importância de capacitação. “Quando entramos no quarto levamos o que está faltando, o sorriso e o momento de lazer daquela pessoa. Chegamos para tirar o foco da doença e do sofrimento, mas não podemos ser invasivos”, salientou.

 

RECONHECIMENTO

Na sessão da última segunda-feira (12) foi entregue uma Moção de Aplausos ao Só Risos, como forma de homenagear e reconhecer o trabalho, considerado pelo autor da propositura, o vereador Carlos Instrutor (PSD), como um ato de amor. “É um trabalho lindo, que transforma dor em amor e, que leva alegria aos pacientes. Desejo que essa força de vontade de transmitir o bem às pessoas, seja renovada a cada dia”.

Ainda durante sessão, o grupo recebeu um cheque simbólico de R$ 500 do Hospital das Clínicas. “Foi no HPC que tudo começou. Fui convidado por um irmão da minha igreja, a Batista Nacional,
para fazer uma apresentação aos profissionais de saúde e lá surgiu a ideia de começar a desenvolver esse trabalho do Só Risos”, comentou João Lucas.

Ao lado das também coordenadoras do grupo, Adevânia Gonçalves, Adriane de Souza e Kenef Fernanda, João Lucas, agradeceu a honraria do Legislativo e a doação do Hospital das Clínicas.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Evento mostra resultados de soja com manejos de solo

Uma das estratégias que será apresentada para o público, é sobre adubação e nutrição da cultura da soja

Entidades promovem ação no Córrego Traíras no Dia Mundial da Limpeza

Esta campanha é uma mobilização nacional da Limpa Brasil e Teoria Verde

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

26/06 - Em cerimônia pontuada por bom gosto e emoção na Igreja Matriz, Thayara Rodrigues & Duan Pilonetto receberam a bênção matrimonial no último sábado, 22. Impecavelmente vestida pelo estilista mais famoso do Brasil, Lucas Anderi, a noiva emocionou os convidados logo antes da sua entrada com depoimento para o noivo. Já ele usava um terno Camargo, sendo que o estilista fez questão de colocá-lo em suas redes sociais. Com um flashmob feito pela Musique Casamentos, cantores e violinos surgiam entre os convidados enquanto as alianças eram conduzidas pela avó da noiva ao altar. Queima de fogos iluminaram a noite ao final da cerimônia religiosa. O salão do Centro de Eventos Primacredi foi transformado com suntuosa decoração por Anna Carolina para receber o em torno de 500 convidados para a celebração da boda. O buffet sempre agradável de Dulce Aguiar, (Roo) servia de volantes como as panelinhas quentes até um buffet de comida japonesa requintado, na ímpar noite que foi adoçada pelas receitas de Claudete Zandoná. A animação da festa ficou a cargo da Banda Bis de Cuiabá, além do receptivo da Musique com apresentação do Brass Live durante a festa que foi até as 6 da manhã. Um dos pontos altos da noite foi a surpresa feita pelos padrinhos que interromperam o final da apresentação dos noivos, surpreendendo com todas as músicas que os recém casados gostam e fazendo a festa já pegar fogo, mais uma das brilhantes ideias do Cerimonial Fabiano Fernandez que produziu e atendeu todo o evento com a mesma maestria de sempre, já conhecida e aprovada. Confira mais flashes by Marcello Holanda . Fotos oficiais Fares Rames.

Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.