DESTAQUE NO ESPORTE /

Segunda-feira, 11 de Novembro de 2019, 07h:00

A | A | A

Primaverense é campeã de Campeonato Mato-grossense de Kart Cross

Camila da Silveira, 14, venceu a competição antes mesmo de disputar a última etapa, que ocorre no final deste mês em Tapurah. A piloto é a única corredora da modalidade no Centro-Oeste brasileiro


Imagem de Capa
Pérsio Souza

Antes mesmo de disputar a última etapa do Campeonato Mato-grossense de Kart Cross, a primaverense Camila da Silveira, 14, sagrou-se campeã da modalidade no Estado, na categoria Junior. Das cinco fases já realizadas, a piloto manteve liderança em quatro. A adolescente é a única mulher que corre Kart Cross no Centro-Oeste brasileiro e tem sido exemplo para outras pessoas.

A piloto esteve na redação do O Diário e em conversa com nossa equipe de reportagem, revelou que ainda não acredita ter ganhado o campeonato antes mesmo da última etapa. “A ficha ainda não caiu, mas estou muito feliz com o resultado”, diz.

A penúltima fase trouxe grandes emoções para a piloto. No sábado (2), durante os treinos e reconhecimento de pista, o motor principal do veículo apresentou problemas e o reserva também estava danificado. Com o auxílio de um colega, o pai e preparador de Camila, Sidinei Saldanha da Silveira, conseguiu colocar a corredora na pista.

“O kart dela estava totalmente preparado e com todos ajustes feitos, no entanto, durante os treinos perdeu a potência. Peguei um motor emprestado que era três segundos mais lento, o que é uma desvantagem, e tivemos problema em uma das trações das rodas, mas mesmo assim ela superou os obstáculos e conseguiu vencer”, diz o pai orgulhoso.

Desde o início do ano Camila tem se dedicado intensamente aos treinos e participou de todas as etapas do campeonato, na qual já chegou viajar mais de 1 mil quilômetros, entre ida e volta. Tapurah, Sorriso, Cuiabá e Lucas do Rio Verde são alguns dos lugares que ela já competiu.

Gislene Costa, mãe de Camila, auxilia a filha e marido nas preparações e competições. Para ela, o reconhecimento é apenas resultado do trabalho que tem sido realizado. “Ela tem se aprimorado cada dia mais como pessoa e piloto, hoje vemos a Camila como se tivesse anos de experiência. Ela se dedica, cobra dela mesma, abre mão de algumas coisas para treinar e participar das competições. É nosso orgulho”, defende. 

Com 25 anos de experiência na área, Sidinei diz que o talento da filha é ímpar. “Fazemos alguns ajustes, aprimoramos alguns pontos, mas ela pilota em um nível muito alto. Atletas mais experientes tem se impressionado com a forma de pilotagem. O talento dela é admirável”, afirma.

Por onde Camila passa, ela tem atraído olhares e passou a despertar interesse de outras mulheres em correr. A piloto diz que não esperava ter este reconhecimento de até mesmo ser elogiada por competidores mais experientes. “Fico surpreendida. As pessoas querem tirar foto, torcem por mim e vem me parabenizar. Não esperava chamar tanta atenção”, conta a adolescente.

Todo o reconhecimento da piloto não é em vão. Para poder competir, ela precisa dividir o tempo entre escola, academia e treinos. Além disto, a corredora de kart necessita abrir mão de algumas coisas, como perder festas de família, estar com amigos e momentos de lazer, no entanto, para ela, no final vale a pena devido ao apoio que recebe. “O apoio da família e dos meus amigos é muito importante porque me motiva. Caso algo aconteça tenho sempre meu pai e minha mãe me dando todo suporte para não desistir”.

Como inspiração, Camila tem Ayrton Senna de modelo, e ela busca seguir os passos do maior piloto do Brasil. “Ele era uma pessoa humilde e não queria ser melhor que ninguém. Esses ensinamentos que tento me apegar”, pontua. 

A última etapa do Campeonato Mato-grossense acontece no final deste mês, dias 23 e 24 de novembro. Posteriormente, a piloto participará da disputa de encerramento festiva, na qual terá que correr 700 milhas, com mais de duas horas de duração de prova. Haverá troca de piloto e Camila dividirá o veículo com outra mulher, de Sorriso.

Depois destas corridas, Camila dará uma pausa e deve retornar às pistas somente em fevereiro do ano que vem, quando começam a ser divulgados os calendários. A equipe ainda estuda a possibilidade de disputar o Campeonato Brasileiro de Kart Cross. “Meu foco está nesta última etapa, vamos analisar participação no campeonato brasileiro no ano que vem e quem sabe trocar para uma categoria de asfalto”, revela.

A piloto e os pais fazem questão de agradecer a Deus, a família, amigos patrocinadores e apoiadores, pois são estes quem ajudam a tornar realidade o sonho da atleta, já que há gastos com inscrições para as corridas manutenção do veículo, deslocamento, alimentação e hospedagem.

“Agradecemos à Marca Manutenção de Aeronaves; Hotel Barril Família Mazzonetto; Família Daltrozo; Família Ravanello; Sr Ademir; Pizzaria D’talia; Fernando Sport Bike; Grupo JF; equipe WDF Team Racing; a personal Samara; Amanda Fortes; e Gelson Junior”.

Aqueles que quiserem conhecer mais sobre o trabalho que Camila e os pais desenvolvem, podem entrar em contato pelo telefone (66) 99999-5889 ou (66) 99994-2740

 

 

 

 

 

 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Acendimento de luzes e chegada do Papai Noel deve ocorrer no próximo dia 12

Devido às obras de revitalização da Praça da Matriz, o Natal Encantado será na Praça de Eventos.

Circula Velha Joana traz espetáculos vencedores do penúltimo Festival Velha Joana

As apresentações ocorrem nas escolas e projetos do município

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz