REINTEGRAÇÃO /

Sexta-feira, 19 de Julho de 2019, 07h:00

A | A | A

Em reunião de emergência, governador diz que estado irá intervir a favor de Jarudore

Mendes determinou a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) para avaliar as medidas jurídicas necessárias para evitar o despejo das famílias


Da Redação

O governador Mauro Mendes solicitou na terça-feira (16)  que a Procuradoria-Geral do Estado (PGE) avalie as medidas jurídicas necessárias para evitar o despejo das famílias que vivem no Distrito de Jarudore. Uma decisão da Justiça Federal determinou a saída dos não indígenas das terras, que pertencem aos índios Bororos.

A solicitação foi feita, após a realização de uma reunião de emergência entre o governador, o prefeito de Poxoréu, Nelson Paim (PDT), os deputados estaduais Nininho (PSD), Thiago Silva (MDB) e Sebastião Rezende (PSC), além de vereadores do município em questão.

Segundo o governo, 1.300 pessoas moram na região, que as famílias ocupam há 70 anos. A defesa do governo é que apesar do reconhecimento de Jarudore como terra indígena em 1912, atualmente menos de 20 indígenas moram na área, além do fato das famílias explorarem atividades econômicas na região.

Com a decisão judicial, os moradores terão que deixar o Distrito no início de agosto. “É um desrespeito às famílias que foram surpreendidas com essa decisão judicial, que nós respeitamos, mas não concordamos. Iremos tomar todas as medidas legais e cabíveis para que possamos garantir o direito dessas famílias. Respeitamos nossos irmãos índios, mas também queremos respeito àqueles que estão lá há mais de 70 anos”, afirmou Mauro Mendes.

Em conjunto com a Assembleia, o gestor estadual também buscará soluções políticas para resolver o impasse junto à União.

O prefeito de Poxoréu, Nelson Paim (PDT), afirmou que a situação das famílias é muito grave e que a participação efetiva do Estado na ação é de suma importância.

“O desespero é geral e realmente esperávamos essa postura do governador”, comentou.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Lei que proíbe cobrança por estimativa aguarda sanção de governador

Legislação assegura que concessionárias de água, luz e gás fiquem impedidas de realizarem cobrança por estimativa de consumo em todo território de Mato Grosso

Seduc divulga calendário de matrículas da rede pública estadual de ensino

Calendário de unidades escolares funcionarão de forma diferente, devido ao período de reposição das aulas

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz