EDUCAÇÃO /

Quarta-feira, 09 de Outubro de 2019, 07h:00

A | A | A

Até 2020 Fasip deve iniciar atividades em Primavera do Leste

A instituição de ensino funcionará no mesmo espaço que o colégio San Petrus


Imagem de Capa
Jaqueline Hatamoto

Já se encontra em construção a estrutura que deve abrigar por dois anos a universidade Fasipe. O empreendimento fica localizado no Jardim Luciana, mais precisamente na Avenida Luciana. A instituição de ensino funcionará no mesmo espaço que o colégio San Petrus, que vai disponibilizar vagas do Ensino Fundamental II ao Ensino Médio.

A diretora de expansão do grupo Fasipe, Neire Cristina Carvalho, explica que a ideia em juntar as duas instituições de ensino, tem como objetivo oferecer uma educação de qualidade desde as séries iniciais até o ensino superior. “O San Petrus vem para região com a função de ser uma escola de referência, com um trabalho pedagógico bom, com atividades sólidas na aérea pedagógica e acadêmica. Não só para escola como também no ensino superior. A população pode esperar um ensino com muita qualidade”, frisou.

Os primeiros cursos a serem oferecidos pela faculdade serão: Direito, Odontologia, Fisioterapia, Psicologia e Enfermagem, para início das atividades que devem ocorrer em 2020. A direção do grupo Fasipe aguarda apenas a publicação das portarias do Ministério da Educação – MEC. “O grupo Fasipe já tem expertise em ensino superior, tanto que em Sinop somos considerados a melhor faculdade da região norte de Mato Grosso, com nota 5 na última avaliação do Ministério da Educação. Em Cuiabá, estamos sólidos também com avaliações positivas. Em Rondonópolis, vamos inaugurar a faculdade já com conceitos positivos em relação ao MEC, e agora estamos em Primavera do Leste, aguardando apenas as atividades ministeriais, dependemos do MEC para que a portaria seja lançada, e a gente possa efetivamente funcionar a faculdade em Primavera”, explicou Neire.

A diretora de expansão explicou ainda que a escolha do município de Primavera para instalação de uma unidade Fasipe se deu pelo potencial de desenvolvimento da cidade. “Primavera do Leste é uma cidade pujante, é uma cidade onde a administração executiva é uma administração potencial e a juventude desta cidade nos é muito atrativa. Primavera é uma cidade que recebe o ensino superior e recebe bem”.

Adriano Marques Rodrigues, diretor do Colégio San Petrus, ressalta que através de pesquisas realizadas ficou comprovado o potencial de Primavera do Leste, por isso a cidade foi escolhida para ter uma das primeiras unidades do colégio. “A escolha de Primavera se deve ao contexto econômico. Em uma pesquisa de mercado, Primavera desponta como  uma das cidades que mais tendem a crescer no estado, essa é uma realidade aos olhos de todos. Para nós é uma grande satisfação ter nossa unidade aqui”.

Com a instalação de mais uma universidade em Primavera do Leste, quem sai ganhando é a população. “Todo município que tem a disposição uma universidade, é um município que cresce, que desponta, pois temos o ensino, a iniciação cientifica, a pesquisa, tudo isso é de extremo valor para o município. Uma cidade que tem o ensino superior sempre conta com o desenvolvimento”, ressaltou Neire.

O prefeito Leonardo Bortolin esteve visitando a obra e fez questão de ressaltar que a vinda da escola e da faculdade se deram após uma prospecção feita em relação ao município, e que o empreendimento não recebeu nenhum incentivo por parte da administração pública. “Não tem como falarmos em desenvolvimento do município, se não for pensado em todos os setores. Neste caso, não temos um real de incentivo público, não tem área doada pela prefeitura. Simplesmente fomos um fomentador de descobrir um grupo forte, que pensava em montar um Campus em Tangará da Serra, fomos visitar e apresentamos Primavera e hoje já se encontra em construção em nossa cidade. Em breve, o grupo já terá aulas aqui, até que o campus, que será na região do Buritis fique pronto”, frisou.

 

COLÉGIO SAN PETRUS

Primavera do Leste será uma das primeiras cidades de Mato Grosso a receber uma unidade do Colégio San Petrus. De acordo com o diretor da instituição, Adriano Marques Rodrigues, a junção entre educação básica e a superior sempre foi o sonho do grupo Fasipe, para assim poder contribuir com uma formação integral. “Nós sempre almejamos poder formar desde crianças e chegar até o ensino superior e com condições de fomentar o mestrado. Então, nossa expectativa é contribuir para a formação integral, desde a educação infantil até a educação superior. É uma forma de privilegiarmos uma educação diferente e uma forma de tentar transformar, e não só privilegiar a formação para o mercado de trabalho, como a formação do ser humano, que é a formação básica”, frisou.

O colégio San Petrus, iniciará as atividades já no próximo ano oferecendo aulas nas séries finais do ensino fundamental sendo 6º,7º, 8º, 9º ano e 1º e 2º ano do ensino médio. “Nos próximos anos (2021) estaremos presentes em todas as fases, essa é nossa expectativa e será nossa realidade”, frisou Rodrigues.

A proposta da instituição será a de entregar, muito em breve, um ensino de qualidade e uma excelente formação aos filhos de Primavera do Leste e região e conta com a parceria da DF Incorporadora. “Nós privilegiamos por uma educação empreendedora e com foco na visão financeira, e principalmente vocacionada para o ser humano, preparando e tentando ajudar nesta construção no decorrer da vida. O colégio San Petrus é uma parceria com a DF empreendimentos, a qual está fazendo um investimento na casa dos R$ 8 milhões para que a gente possa realmente fomentar uma educação de qualidade e que possa transformar a vida das pessoas”, explicou o diretor.

 

POLO EM EDUCAÇÃO

Considerada referência quando o assunto é educação, Primavera do Leste recebe por dia uma média de 900 alunos, quem vêm das cidades vizinhas como Campo Verde, Poxoréu, Paranatinga e até mesmo Rondonópolis. De acordo com o prefeito Leonardo Bortolin, esses números podem ser ainda maiores, já que novas oportunidades de ensino surgirão nos próximos anos, fomentando ainda mais a vida de pessoas em busca de conhecimento.

“Primavera será o polo e onde tiver atuação do grupo, a sede será Primavera. Assim como está vindo a Fasipe, outras instituições virão, pois elas vão ver a demanda que existe o potencial que nós temos. E a tendência do mercado é que cada vez mais haja investimento no setor”, finalizou Léo.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Lei que proíbe cobrança por estimativa aguarda sanção de governador

Legislação assegura que concessionárias de água, luz e gás fiquem impedidas de realizarem cobrança por estimativa de consumo em todo território de Mato Grosso

Seduc divulga calendário de matrículas da rede pública estadual de ensino

Calendário de unidades escolares funcionarão de forma diferente, devido ao período de reposição das aulas

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz