propaganda

GENTE NOVA /

Sexta-feira, 31 de Agosto de 2012, 05h:00

A | A | A

Maranhense está há um ano em Primavera

Juliana está cursando Rotinas Administrativas e Operador de Computador


Redação: Cely Trevisan
Técnica em enfermagem, Juliana Oliveira
Juliana Oliveira, 24 anos, natural de Alto Parnaíba/MA, mãe de Joyce (6), é técnica em enfermagem, está há um ano em Primavera do Leste e é recém contratada como arrecadadora da Concessionária Morro da Mesa.
A jovem maranhense disse a O Diário e Cliquef5 que não conhecia o Mato Grosso e veio para a cidade por influência de amigos, “conheci alguns amigos que moraram por um tempo em Alto Parnaíba, eles eram de Primavera do Leste e sempre comentavam sobre a cidade, me falavam que era uma cidade muito boa de se viver e com amplo mercado de trabalho” – comentou.
“Os motivos que influenciaram minha vinda foi justamente a vontade de trabalhar, ganhar dinheiro e poder proporcionar uma vida com oportunidades para minha filha” - relatou a jovem.
“Venho de uma cidade pequena com 24 mil habitantes e com poucas oportunidades de crescimento profissional. Quando cheguei em Primavera gostei, é uma cidade muito bonita, organizada, com alto custo de vida, porém o retorno é grande” - pontuou.
Filha de mãe enfermeira e pai motorista, Juliana cresceu em ambiente hospital e por isso seu gosto pela área de enfermagem. Juliana é técnica em enfermagem e trabalhou aproximadamente dois anos em Posto de Saúde da Família (PSF) no estado do Maranhão.
Com um currículo muito eclético, a jovem já atuou como técnica em enfermagem, clínica que cuida de pessoas acamadas a domicílio, foi catequista, desenvolveu programas com idosos, já foi professora de Educação Infantil do Peti entre outras funções desenvolvidas.
Sobre sua adaptação na cidade, a jovem comentou, “minha adaptação a Primavera do Leste foi bem complicada, porém recebi o apoio de pessoas muito especiais”.
Juliana está cursando Rotinas Administrativas e Operador de Computador e tem metas para sua vida, “minha principal  meta aqui em Primavera é conquistar estabilidade financeira e poder em breve trazer minha filha para cá que atualmente está no Maranhão com meus pais” - finalizou a técnica em enfermagem.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz