propaganda

SAÚDE /

Quarta-feira, 15 de Janeiro de 2020, 07h:00

A | A | A

Ano novo metas novas ou ano novo metas antigas?

Para ajudar você a realizar o que deseja para esse ano, nutricionista listou 10 pontos que podem ser decisivos para que a o objetivo saia do papel.


Imagem de Capa
Camila Delgado André

Ano novo começa e as expectativas renovadas. Metas novas traçadas ou as antigas são colocadas em pauta novamente. A década virou e chega de procrastinar aquele objetivo que está na lista de anos e não foi concretizado. Para ajudar você a realizar o que deseja para esse ano, enumerei 10 pontos que podem ser decisivos para que o objetivo saia do papel.

Vamos logo ao assunto e seguem as 10 dicas:

  - Use um caderno, bloco de notas ou notas do celular e escreva 3 coisas que te atrapalham para ter uma vida saudável e que você quer mudar. Por exemplo: dormir cedo, beber mais água ou organizar os alimentos da semana;

2º - Mantenha coisas boas que você já fazia, como não bebo refrigerante há 3 anos. Continue. Manter metas boas também faz parte da evolução de pensamentos, conceitos e crenças;

3º-   Ninguém é nada sozinho! É muito comum procurar um nutricionista no início do ano, mas, às vezes, é mais importante procurar um psicólogo. Caso não encontre motivação treinando sozinho, contrate um personal. Está sem dinheiro? Procure um parque. Faça coisas que você mantenha diariamente ou 4 vezes na semana;

4º -  É muito mais inteligente cumprir metas passadas do que traçar novas metas. Como por exemplo cumprir todo o plano nutricional do meu nutricionista. Não deixar a opinião alheia interferir;

5º - Procure atividades com as quais se identifique;

6º - Pense que seu organismo é um ser natural orgânico. Então, imagina entupir seu corpo com alimentos, ambientes e relacionamentos que não alimentam nem energeticamente, nem espiritualmente. Exemplo: quero emagrecer, mas, sempre que me alimento fora de casa acabo comendo somente em locais com rodízio, com muita bebida, durmo tarde e acordo desmotivado.  Isso não vai ajudar;

7º -  Mais do mesmo é cavar o próprio buraco! Você acha que existe só alface e tomate de salada! Procure comer e experimentar alimentos diferentes ou não habituais, como repolho roxo, pepino, rabanete, espinafre;

8º - Não existe sucesso sem constância. Está certo que iniciamos a segunda com tudo e já na quinta começamos a desandar, por tanto, para viver algo de verdade é preciso abrir mão de coisas sem retorno e crescimento para nossa alimentação. Viva de verdade seus objetivos. Quanto mais desculpas menos resultados;

9º - Seja simples. Não queira fazer tudo de uma vez só. Comece com uma meta por mês ou semanal. Trace objetivos possíveis e reais;

10º - Não seja vítima das próprias e escolhas!  O que a nutrição tem a ver com isso? Tudo! Porque quando nos expomos a uma vida de maus hábitos, sabendo que pode ser diferente, isso afasta nossa mente.  Desviando do entendimento da educação nutricional nos forçando a compulsões e radicalismos momentâneos que atrapalham todos os outros setores da vida. Não tem como alcançar metas com uma saúde física e mental ruim.

 

Camila Delgado André

Nutricionista com especialidade em nutrição esportiva

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz