Policial /

Quinta-feira, 08 de Novembro de 2018, 09h:17

A | A | A

Sesp supera meta de operações e ações integradas em 18%

Nara Assis | Sesp-MT A Coordenadoria de Planejamento e Monitoramento (Coplam) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) superou a meta...


Imagem de Capa

Nara Assis | Sesp-MT

A Coordenadoria de Planejamento e Monitoramento (Coplam) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) superou a meta de 13 mil operações e ações integradas a serem realizadas anualmente. De janeiro a junho de 2018 já foram desenvolvidas 15.466, cerca de 18% a mais que o previsto para todo o ano. Em 2017 e 2016, este número também foi superado, com a contabilização de 20.730 e 18.079 operações e ações integradas, respectivamente. 

Em 2018, até outubro, já foram elaboradas 54 ordens de operações integradas oriundas da Sesp, e 14 produzidas nas regionais, totalizando um montante parcial de 68 ordens de operações. O coordenador de Planejamento e Monitoramento da Sesp, tenente-coronel PM Jean Klebber Britto da Silva, ressaltou que o resultado é reflexo da dedicação dos integrantes de todas as forças de segurança. “Isso demonstra o empenho de todos em promover a sensação de segurança à população, o que contribuiu sistematicamente para a redução dos índices de criminalidade no estado”.

Vale ressaltar que desde 2017 a parametrização considera uma operação a cada município participante. Já no caso das ações são consideradas as atividades desempenhadas pelas forças de segurança dentro das operações, quais sejam: inopinada; asfixia; start; mandados de busca e apreensão; mandados de prisão; prisão temporária e internação cautelar; flagrante delito; Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO); e fiscalização dos bombeiros.

Entre janeiro e julho deste ano, as 54 operações integradas resultaram nas apreensões de aproximadamente 700kg de drogas, 1.699 veículos e 228 armas de fogo, além de 161 veículos recuperados e 1.923 pessoas presas. No total, houve abordagem de 50.940 veículos e 92.989 pessoas, em 5.884 ações inopinadas (bloqueio), 7.504 de asfixia (saturação), e 11.250 starts (P.E.).

Com efetivo de 16.877 policiais militares, 5.160 policiais civis e 363 bombeiros militares, foram cumpridos 290 mandados de busca e apreensões; 534 mandados de prisões, internações cautelares e prisões temporárias; e efetuados 1.450 flagrantes delitos. As fiscalizações do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT) ao longo deste período somaram 357 e os TCO’s foram 1.320.

O coordenador da Coplam acrescenta que, com base nos dados das atividades ordinárias das instituições de segurança realizadas de janeiro a junho de 2018, as operações integradas auxiliaram em média em 14% dos resultados obtidos. A média mensal de atividades integradas é de oito dias por mês.

Dados do ano passado

De janeiro a dezembro de 2017 foram realizadas 44 ordens de operações, para execução de atividades integradas em todo o estado, que resultaram na apreensão de 1,3 toneladas de drogas; apreensão de 2.670 veículos; recuperação de 611 veículos roubados; e 478 armas de fogo apreendidas. Para tanto, foram empregados 26.568 policiais militares, 10.591 policiais civis, 1.006 bombeiros militares, em 8.285 ações inopinadas (bloqueio), 11.446 de asfixia (saturação), e 12.886 Start (P.E.).

Neste período, houve cumprimento de 924 mandados de busca e apreensões, e 1.248 mandados de prisões, internações cautelares e prisões temporárias, além da realização de 2.120 flagrantes delitos; 1.588 TCO’s; 1.434 fiscalizações do CBM. Durante as operações, os profissionais da Segurança abordaram 181.919 pessoas e 75.852 veículos, e prenderam 3.745 pessoas.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

26/06 - Em cerimônia pontuada por bom gosto e emoção na Igreja Matriz, Thayara Rodrigues & Duan Pilonetto receberam a bênção matrimonial no último sábado, 22. Impecavelmente vestida pelo estilista mais famoso do Brasil, Lucas Anderi, a noiva emocionou os convidados logo antes da sua entrada com depoimento para o noivo. Já ele usava um terno Camargo, sendo que o estilista fez questão de colocá-lo em suas redes sociais. Com um flashmob feito pela Musique Casamentos, cantores e violinos surgiam entre os convidados enquanto as alianças eram conduzidas pela avó da noiva ao altar. Queima de fogos iluminaram a noite ao final da cerimônia religiosa. O salão do Centro de Eventos Primacredi foi transformado com suntuosa decoração por Anna Carolina para receber o em torno de 500 convidados para a celebração da boda. O buffet sempre agradável de Dulce Aguiar, (Roo) servia de volantes como as panelinhas quentes até um buffet de comida japonesa requintado, na ímpar noite que foi adoçada pelas receitas de Claudete Zandoná. A animação da festa ficou a cargo da Banda Bis de Cuiabá, além do receptivo da Musique com apresentação do Brass Live durante a festa que foi até as 6 da manhã. Um dos pontos altos da noite foi a surpresa feita pelos padrinhos que interromperam o final da apresentação dos noivos, surpreendendo com todas as músicas que os recém casados gostam e fazendo a festa já pegar fogo, mais uma das brilhantes ideias do Cerimonial Fabiano Fernandez que produziu e atendeu todo o evento com a mesma maestria de sempre, já conhecida e aprovada. Confira mais flashes by Marcello Holanda . Fotos oficiais Fares Rames.

Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.