Polícia Civil /

Sábado, 04 de Julho de 2020, 17h:46

A | A | A

PM detém idoso com apetrechos de pesca e espécie proibida

.Durante barreira policiais do 2º Pelotão de Polícia Militar de Rio Branco (356 km de Cuiabá), unidade do 17° Batalhão, um idoso de 84 anos foi...


Imagem de Capa
PM MT
.

Durante barreira policiais do 2º Pelotão de Polícia Militar de Rio Branco (356 km de Cuiabá), unidade do 17° Batalhão, um idoso de 84 anos foi detido porque estaria praticando pesca predatória. Com o homem foram encontrados apetrechos de pesca e espécie cuja captura é proibida pela legislação mato-grossense.

A abordagem ocorreu durante a madrugada deste sábado (04.07), por volta das 4hs, na localidade conhecida como Estrada da Olaria, em Rio Branco. O homem dirigia uma caminhonete modelo D20 e estava na companhia da esposa, também idosa.

No veículo havia exemplares de dourado, espécie cuja pesca e transporte estão proibidos pela lei 9.794/2012. Ele também infringia a Lei de Crimes Ambientais (9.605/1998) porque utilizava apetrechos como anzóis de galho e "João Bobo" (anzóis fixos em boias e espalhados no leito do rio). No veículo havia um motor de popa, diversos molinetes, centenas de anzóis e outros equipamentos de pesca.

Os peixes e todos os equipamentos e apetrechos foram apreendidos. Conforme narrativa dos policiais, o idoso foi qualificado e liberado após o registro do boletim de ocorrência, seguindo orientação do delegado plantonista.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz