Policial /

Terça-feira, 12 de Novembro de 2019, 03h:30

A | A | A

Equipes de segurança resgatam desaparecido em região de mata

Assessoria | PJC-MT Um homem que estava desparecido desde o dia 06 de novembro foi localizado pela Polícia Judiciária Civil, nesta segunda-feira (11.11),...


Imagem de Capa

Assessoria | PJC-MT

Um homem que estava desparecido desde o dia 06 de novembro foi localizado pela Polícia Judiciária Civil, nesta segunda-feira (11.11), em ação realizada pela Núcleo de Pessoas Desaparecidas da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), com apoio Corpo de Bombeiros e Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

A mobilização para localizar o desaparecido iniciou no dia 07 de novembro quando o boletim de ocorrência, na 1ª Delegacia de Polícia de Cuiabá. Segundo as informações, a vítima veio de Minas Gerais para trabalhar na obra de acesso ao distrito do Coxipó do Ouro e morava em uma casa na região junto a outros funcionários da empresa.

Na quarta-feira (06), alguns dos moradores saíram de casa e quando retornaram não encontraram mais o colega. De acordo com as testemunhas, a vítima andava apresentando confusão mental, muitas vezes falando coisas sem sentido. O boletim de ocorrência foi registrado na quinta-feira (07), após a vítima não retornar para casa.

Assim que tomou conhecimento dos fatos, a equipe do Núcleo de Desaparecidos iniciou os trabalhos solicitando apoio do Corpo de Bombeiros e do Ciopaer., que prontamente se disponibilizaram a auxiliar as buscas. As equipes conseguiram localizar a vítima em um local de mata de difícil acesso, nas imediações do Coxipó do Ouro, nesta segunda-feira (11.11).

Após ser resgatada, a vítima foi levada a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Ipase para atendimento. Os familiares do desaparecido também foram notificados da sua localização. 

 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz