Internacional /

Quinta-feira, 14 de Novembro de 2019, 03h:30

A | A | A

Senadora da Bolívia se reuniu com militares após se autodeclarar presidente

arrow-options Reprodução/Twitter @OscarOrtizA Jeanine Áñez ocupa a presidência após vácuo de poder na Bolívia A presidente em exercício da Bolívia...


Imagem de Capa
Militar arrumando a faixa em Jeanine arrow-options
Reprodução/Twitter @OscarOrtizA
Jeanine Áñez ocupa a presidência após vácuo de poder na Bolívia

A presidente em exercício da BolíviaJeanine Áñez , se reuniu com militares no Palácio de Quemado, sede do governo federal boliviano, após se autodeclarar mandatária do país com a renúncia de Evo Morales . Desde que o ex-presidente deixou o cargo, a Bolívia vivia sob um vácuo de poder e ninguém comandava o país oficialmente.

Em foto publicada no Twitter, o senador Oscar Ortiz Antelo mostrou um oficial arrumando a faixa presidencial em Jeanine. Em imagens divulgadas pela rede de TV boliviana Unitel, a presidente em exercício também aparece sentada à mesa com militares e cumprimentando o general Williams Kaliman . Kaliman foi o responsável por fazer o pedido das Forças Armadas pela renúncia de Evo Morales.

Leia também: Segundo secretário-geral da OEA, Evo Morales deu um autogolpe

Jeanine era senadora do partido oposicionista Unidad Demócrata e declarou-se presidente da Bolívia nesta terça-feira (12). "Assumo imediatamente a Presidência", disse Jeanine, embora a bancada do MAS, partido liderado pelo ex-presidente Evo Morales, não estivesse presente no Congresso. Morales chegou ontem ao México , país que lhe concedeu asilo político após a renúncia à Presidência da República.

Jeanine Áñez anunciou que decidiu "assumir imediatamente" a presidência da Bolívia, em seu novo status de líder do Senado, depois de considerar que no país havia uma situação de vacância, já que o vice-presidente Álvaro García Linera também renunciou.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz