Carros /

Terça-feira, 05 de Novembro de 2019, 16h:30

A | A | A

Ford Ka 1.0 Freestyle: aventureiro urbano

arrow-options Carlos Guimarães/iG Ford Ka 1.0 Freestyle é recheado de equipamentos de segurança. Tem até sistema anti-capotamento Versões com apelo...


Imagem de Capa
Ford Ka 1.0 Freestyle arrow-options
Carlos Guimarães/iG
Ford Ka 1.0 Freestyle é recheado de equipamentos de segurança. Tem até sistema anti-capotamento

Versões com apelo aventureiro costumam aparecer nos pacotes intermediários dos hatches compactos. O Fiat Argo, por exemplo, surge na versão Trekking com motor 1.3, enquanto o Toyota Yaris X-Way tem propulsão 1.5 e câmbio CVT. Apenas neste cenário, já podemos classificar o Ford Ka 1.0 Freestyle como “o único de sua espécie” - uma opção mais em conta que sobressai pelo preço e pacote de equipamentos.

LEIA MAIS: Hyundai HB20 1.0 Diamond Plus faz jogo rápido contra o Fiat Argo 1.8 Precision

É dessa forma que o Ka Freestyle tenta conquistar o consumidor: visual descolado, boa quantidade de equipamentos e um conjunto mecânico simples que não deixa de ser valente. O arranjo de suspensão é exclusivo da linha aventureira - com batentes hidráulicos que aliviam impactos e barra estabilizadora e bitolas mais grossas.

Para uma cidade com asfalto judiado como São Paulo, o vão-livre do solo de 188 mm evita que o Ka raspe em buracos, lombadas ou rampas. A Ford também alterou o arranjo do eixo traseiro, deixando-o 30% mais rígido na comparação com o modelo convencional. Tudo para contribuir com sua aventura urbana.

Perfeito para a cidade

Mesmo com a suspensão mais rígida, a direção elétrica evita que os impactos do solo sejam transferidos às mãos do motorista - algo ainda presente no Renault Stepway e seu sistema eletro-hidráulico. O Ka Freestyle se mostra um carrinho muito agradável e direto para guiar, superando todos os obstáculos das grandes cidades com facilidade.

O motor 1.0, de três cilindros, desenvolve 85 cv de potência  e 10,7 kgfm de torque a 3.500 rpm, com câmbio manual de cinco marchas. Entre os motores 1.0 aspirados, o Ka Freestyle é um dos mais potentes. movendo o carrinho de 1.081 kg com facilidade.

Ainda que não seja um carro necessariamente ágil - acelerando de 0 a 100 km/h em 15,1 segundos - os números de consumo são ótimos: 9,1 km/l em circuito urbano e 10,4 km/l na estrada com etanol, e 13 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada com gasolina. Não à toa, a linha Ka faz tanto sucesso com os motoristas de aplicativo.

O acoplamento do câmbio é leve e a escalonagem das marchas é adequada (sempre priorizando o consumo), mas fico com a impressão de que os engates do Ka poderiam ser um pouco mais curtos. De qualquer forma, os câmbios manuais da Ford estão evoluindo.

Segurança

Ford Ka 1.0 Freestyle arrow-options
Carlos Guimarães/iG
O grande destaque do Ford Ka na versão Freestyle é o pacote de equipamentos

Quatro equipamentos de segurança podem fazer a diferença na hora de escolher seu novo compacto 1.0: o Ka é um dos únicos da categoria com controle de estabilidade, assistente de partida em rampa, chamada de emergência e sistema anti-capotamento. Louvável, considerando os R$ 56.690 que a Ford pede por ele, não? Ele ainda traz sensor de estacionamento, fixação Isofix para cadeirinhas e banco traseiro bipartido.

Da versão SE Plus, o Ka Freestyle importa faróis de neblina e as soleiras nas portas. A Ford também instalou rack (que pode levar até 50 kg), rodas aro 15 com design exclusivo (calçadas em pneus 185/60) e molduras nos para-lamas, para acrescentar robustez ao hatch. Tapetes de borracha com formato de bandeja evitam que líquido seja derramado no assoalho.

Mesmo que o volante multifuncional não tenha ajuste de profundidade, encontrar a melhor posição para guiar o Ka Freestyle é fácil. Os bancos parcialmente revestidos de couro são confortáveis, contando com regulagens de altura para o motorista. Além disso, todos os comandos estão sempre à mão do condutor - com exceção da regulagem dos retrovisores externos, localizada nas portas.

Espaço interno e conectividade

Com entre-eixos de 2,49 metros, o espaço interno do Ka não é dos maiores. Ainda mais considerando que o rival Renault Sandero (o mais espaçoso da categoria) tem 2,59 m. Quatro adultos de estatura média viajam com conforto, mas um eventual quinto passageiro teria seus meniscos esmagados pelos assentos dianteiros no banco de trás. O porta-malas de apenas 257 litros - com abertura interna - também fica abaixo da média do segmento.

LEIA MAIS: Toyota Yaris 1.5 XL Plus: um sedãzinho eficiente

A central multimídia traz o sistema Sync 2.5, com pareamento para celulares Android e iOS. Como o usuário pode conectar aos apps de navegação Waze e Google Maps, o GPS nativo - exclusividade do Sync 3, no EcoSport - não faz falta. Para um veículo de entrada, a qualidade do sistema de som surpreendeu.

Compensa?

Ford Ka Freestyle arrow-options
Divulgação
O interior do Ka Freestyle aposta em tonalidades terrosas, como referência ao espírito aventureiro

Na conclusão, vale um breve comparativo com o principal rival do Ford Ka 1.0 Freestyle (R$56.690), o Fiat Argo 1.3 Trekking (R$ 59.990). O modelo da Fiat é mais espaçoso, tanto no habitáculo quanto no porta-malas de 300 litros, mas acaba pecando pelo preço e a ausência de equipamentos de segurança.

LEIA MAIS: Será que compensa pagar mais caro e levar o aventureiro Renault Stepway?

Além disso, o motor 1.0 da Ford é mais eficiente e pode aferir números de consumo superiores ao Firefly da Fiat. O Ka Freestyle se mostra uma boa compra para aqueles que, um dia, sonham em ter um SUV. Seguro, econômico e bem equipado, conquista o público pela etiqueta e design. Com até R$ 60 mil no bolso para um carro novo, vale a pena conhecê-lo.

Preço: R$ 56.690
Motor: 1.0, três cilindros, flex
Potência: 85 cv (E) / 80 cv (G) a 6.500 rpm
Torque: 10,7 kgfm (E) / 10,2 kgfm (G) a 3.500 rpm
Transmissão: Manual, cinco marchas , tração dianteira
Suspensão: Independente, McPherson (dianteira) / Independente, eixo de torção (traseira)
Freios: Discos ventilados (dianteiros) / tambores (traseiros)
Pneus: 185/60 R15
Dimensões: 3,94 m (comprimento) / 1,70 m (largura) / 1,52 m (altura), 2,49 m (entre-eixos)
Tanque: 51 litros
Porta-malas: 257 litros
Consumo: 13 km/l na cidade) / 15,1 km/l na estrada (gasolina), 9,1 km/l na cidade / 10,4 km/l na estrada (etanol)
0 a 100 km/h: 15,1 segundos
Velocidade máxima: 166 km/h

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz