SOCIAL /

Sexta-feira, 08 de Novembro de 2019, 10h:53

A | A | A

Escola de Música e Orquestra Sinfônica realizam promoção de macarronada para arredar fundos

O objetivo da promoção é custear despesas que estão fora do contrato com o poder público.


Imagem de Capa
Paulo Pietro

A orquestra sinfônica de Campo Verde e Escola de Musica está realizando uma promoção de macarronada, com massa fresca, para este sábado dia 09. O objetivo da promoção é arrecadar fundos para a instituição continuar realizando seu ótimo trabalho no município.

 

O projeto que nasceu pequeno em 2003 só vem crescendo desde então, hoje a escola é administrada pelo instituto Germinando Sons, que através de um termo de colaboração com a Prefeitura de Campo Verde e o apoio de toda a sociedade, atende cerca de 435 alunos  no ensino de música, tanto na sede que fica localizada na área central, quanto nas ações descentralizadas que são realizadas em alguns bairros da cidade e também com o termo de cooperação juntamente com a APAE, que possui um projeto de fanfarra. Também existe um projeto de canto e coral, que são ministrados nos bairros São Miguel e Jupiara.   

 

Além das ações em torno da música, graças a uma parceria com o CMDCA (Conselho Municipal da Criança e do Adolescente) hoje o instituto ainda possui uma escolinha de karatê, que conta com 30 alunos de diversas faixas de idade, que realizam seus treinos duas vezes por semana na quadra da Escola Estadual Waldemon.

 

Quem está a frente de todo esse projeto é o maestro André Tavares, ele comentou que “está sendo muito prazeroso fazer parte desse projeto,  é um trabalho muito bacana na área cultural, através da musica e na área desportiva. Apesar da nossa sede ser pequena, em horários alternados, conseguimos atender todos esses alunos.”

 

Além disso, o projeto gera uma economia criativa no município que tem que ser levada em consideração, “nos temos alunos que iniciaram lá em 2003, que hoje são instrutores, outros são professores e trabalham com carteira assinada, temos alunos que estão no curso de música da Universidade Federal de Mato Grosso, outros já participam de projetos grandiosos que estão, por exemplo, trabalhando na Camerata de Mato Grosso, do Instituto Fernando Pereira, então além de todas as vantagens que traz a música nos aspectos cognitivos e sociais, ainda tem alunos que conseguiram encontrar uma profissão, uma forma de sobreviver através da música, gerando toda essa economia criativa,” lembrou o maestro.

 

Apesar de possuir verbas publicas, nem todas as despesas dos diversos projetos são custeadas pelo poder publico, e são grandes, como uniforme, cordas, palhetas, acessórios e insumos para os instrumentos, quimonos, logística de professores, peles de instrumentos de percussão, baquetas, materiais para o estudo de alunos, de escritório entre outros, por isso essas promoções como a macarronada são realizadas de tempos em tempos, para ajudar a custear essas despesas.

 

Vale lembrar que o instituto Germinando Sons é o único do terceiro setor no município que possui um site, www.institutogs.com.br, lá segundo André, existe uma aba onde é realizado toda a prestação de contas, um portal de transparência. “Como somos uma instituição de utilidade publica, que recebe verbas da administração municipal, fazemos questão de deixar tudo bem explícitos quanto aos gastos, destinação dessas verbas, inclusive essas que são arrecadadas com as promoções,” finalizou Tavares.

 

Os ingressos para a macarronada estão sendo vendido antecipadamente na própria sede da escola, na Rua Florianópolis e no local no dia da entrega, que será no sábado (09) a partir das 11h, na Igreja Luterana, atrás da Escola Progresso. As fichas que dão direito a uma marmita de macarronada, custa apenas R$ 20,00 e serve de duas a três pessoas.

 

Além de ajudar esse lindo projeto, quem adquirir a sua ficha ainda deixa pronto o almoço do sábado por um preço bem pequeno, vale a pena participar.                        

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Campo Verde

Águas de Campo Verde conquista certificado de qualidade ISO 9001:2015

A Águas de Campo Verde iniciou suas atividades na cidade em novembro de 2001 e possui um contrato de concessão no município para 30 anos.

Decoração, novidades e promoções estimulam o consumo e o turismo em Campo Verde

Em 2019 a novidade é o Noel Buss e a decoração com materiais recicláveis.

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz