propaganda

DESTAQUE /

Segunda-feira, 19 de Outubro de 2020, 06h:30

A | A | A

Com saldo de 269 oportunidades geradas, Campo Verde é o 2º município na geração de empregos na região Sul de MT

No acumulado do ano, a cidade tem o 3º melhor saldo do estado


Imagem de Capa
Da Redação

Campo Verde, que tem no agronegócio sua principal base econômica, continua se destacando no cenário estadual quando o assunto é a geração de empregos em 2020. De acordo com os números divulgados pelo Ministério da Economia, Campo Verde está entre os municípios de Mato Grosso que mais criaram postos de trabalho no mês de agosto.

 

De acordo com os dados divulgados no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), o município teve um saldo positivo de 269 empregos no mês, o segundo melhor desempenho entre as 19 cidades que integram a região Sul do Estado, ficando atrás apenas de Rondonópolis, que teve um saldo positivo de 431 empregos.

Primavera do Leste, de acordo com o CAGED, teve um saldo de 65 empregos em agosto, ocupando dessa forma a terceira posição no ranking de geração de empregos na região Sul. Em terceiro está Poxoréo, com 47 postos de trabalho de saldo no mês.

Levando-se em conta os 141 municípios de Mato Grosso, Campo Verde foi o sexto maior gerador de empregos no Estado. Em primeiro lugar ficou Cuiabá, com um saldo positivo de 693 empregos, seguido por Rondonópolis com 431, Aripuanã com 429, Sinop com 385 e Várzea Grande com 361.

No acumulado do ano, Campo Verde também ocupa posição de destaque no Estado. Entre janeiro e agosto os 1.321 empregos de saldo garantiram à cidade a terceira colocação entre os municípios com melhor desempenho na criação de postos de trabalho.

O destaque nos primeiros oito meses do ano foi Aripuanã que, com um saldo de 1500 novas contratações a mais que o número de demissões, ficou com o primeiro lugar em Mato Grosso na geração de emprego, seguido por Sorriso com 1.376.

Em quarto lugar ficou Rondonópolis, com 1.194 empregos de saldo e em quinto Nova Mutum, com 1.108. Sapezal, que teve um saldo de 928 empregos, é o sexto colocado, e Primavera do Leste é o 7º município com maior número de empregos gerados nos primeiros oito meses do ano, com 885.

Cuiabá, que teve bom desempenho em agosto, tem um saldo acumulado de 3.105 demissões a mais que admissões entre janeiro e agosto de 2020. No mesmo período, Mato Grosso gerou 12.901 novos postos de trabalho.

 

CRESCIMENTO ECONÔMICO

Com sua base econômica alicerçada na agricultura, nos últimos oito anos Campo Verde mostrou um crescimento econômico e populacional acima da média, o que lhe garantiu uma posição de destaque no cenário estadual e nacional.

Esse crescimento pode ser comprovado pelo aumento do Valor Agregado (V.A), que é a soma de tudo que é produzido no município. Em 2012, o V.A de Campo Verde foi de R$ 1,18 bilhão. Em 2019, o Valor Agregado, segundo a Secretaria Estadual de Fazenda, somou R$ 2,43 bilhões, um aumento superior a 100% no período.

Com isso, o repasse do Fundo de Participação do Municípios, que é calculado sobre 25% de toda a produção do Estado, passou de 1,51% para 1,96%, com os valores repassados anualmente saltando de R$ 22,64 milhões em 2012 para R$ 52,77 milhões em 2019.

 

OUTROS INDICADORES

Na Educação, Campo Verde também tem mostrado uma evolução. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) das séries iniciais nas escolas públicas do município em 2011, era de 5.6. Já em 2019, o índice foi de 6.6, acima da meta projetada, que era de 6.2. Nas séries iniciais o IDEB saiu de 5.3 em 2011 para 5.4 em 2019.

Os bons indicadores, aliado ao desenvolvimento econômico e à qualidade de vida, tem atraído cada vez mais moradores. Entre 2010 e 2019, o número de moradores passou de 31,5 mil para 44 mil, um crescimento superior a 39%. Nesse período o crescimento populacional anual de Campo Verde foi de 4,48% ao ano.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Caso a vacina para a Covid-19 seja liberada no Brasil, você pretende tomar?
Sim, se for a Chinesa
Sim, se for a Russa
Sim, se fosse outra
Nem pensar
Não tenho opinião formada sobre o assunto