ESPECIAL 30 ANOS /

Quarta-feira, 03 de Fevereiro de 2016, 14h:18

A | A | A

Primavera do Leste sinônimo de desenvolvimento

O município que caminha para 30 anos é destaque em desenvolvimento humano e econômico


Internet
Imagem de Capa
Driely Pinotti

Primavera do Leste é destaque pelo franco desenvolvimento. A cidade que nasceu com o agronegócio, se transformou em uma terra de oportunidades. O dinheiro que brotou das lavouras foi investido e o desenvolvimento econômico ajudou o município a conquistar o posto de 5ª economia do Estado e o 6º melhor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de Mato Grosso, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Nos últimos dez anos, a cidade apresentou um aumento de mais de 500% no Produto Interno Bruto (PIB), ainda de acordo com o IBGE. Em 2001 a marca atingida era de R$594,28 milhões e 2011 passou para R$ 2,867 bilhões.

Entre os municípios do Estado, Primavera se destaca em 4º lugar entre os que mais vendem para o exterior. No ranking nacional está na 64ª posição, entre os 100 maiores exportadores do país, com US$ 702,1 milhões. 

Os produtos primaverenses são comercializados em praticamente todos os continentes e com todos os blocos econômicos. Mesmo assim, o principal destino continua sendo os EUA, que atualmente compram em torno de 43% da produção. Em seguida, conforme dados do primeiro trimestre de 2015, apareceram a China (39%) e Itália (16%).

Ainda no aspecto econômico, a cidade, entre as de Mato Grosso, ficou em 3ª posição no Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal (IFDM), que avalia o desenvolvimento de todos os municípios brasileiros. Os dados são de dezembro de 2015. Este estudo foi criado pelo Sistema Firjan (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro), com o objetivo de acompanhar o desenvolvimento socioeconômico do país. O IFDM avalia as condições de Educação, Saúde, Emprego e Renda.

O índice varia de 0 (mínimo) a 1 ponto (máximo) para classificar o nível de cada cidade em quatro categorias: desenvolvimento baixo (de 0 a 0,4), regular (0,4001 a 0,6), moderado (de 0,6001 a 0,8) e alto (0,8001 a 1). No Ranking, Primavera do Leste ficou com o IFDM de 0,8402. Na área de Educação, Primavera alcançou o índice de 0,8043, na Saúde 0,8778, enquanto na área de Emprego e Renda a pontuação alcançada foi de 0,8387.

Segundo o levantamento, Primavera está à frente de cidades como Rondonópolis, Sorriso, Cuiabá, Nova Mutum, Campo Verde e Tangará da Serra. O município conquista a cada dia o título de um dos melhores municípios em qualidade de vida.

Por vários anos consecutivos, Primavera do Leste também é destaque no Índice de Desenvolvimento dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), comparado a outras cidades do Estado. O município superou as cidades de Sinop, Cáceres, Cuiabá, Campo Verde, Sorriso, Rondonópolis e Lucas do Rio Verde.

No ano de 2015, a cidade conquistou destaque em um estudo que avaliou as 5,5 mil cidades brasileiras. Publicada na revista Exame, no início deste ano, Primavera do Leste se classificou entre as 100 cidades brasileiras que mais proporciona condições adequadas de moradia para seus habitantes.

 

Tudo isso são conquistas de uma jovem cidade, dona de um povo acolhedor, que caminha para os 30 anos.

1 Comentário(s)
Cidade para poucos e assim como em todo o Brasil peca em todos os quesitos (saúde, educação , trabalho, segurança) sem falar é claro da grande desigualdade. Números que mascaram a realidade e servem a poucos. Infelizmente esse é o Brasil e continuará sendo.
enviado por: Johne em 04/02/2016 às 01:31:46
4
 
0
responder