APROVADO /

Quarta-feira, 29 de Novembro de 2017, 07h:36

A | A | A

Vereadores de Primavera aprovam aumento da verba indenizatória

O valor passa a ser de R$ 6.800. O aumento foi permitido pelo TCE


Imagem de Capa
Jaqueline Hatamoto

Por quatorze votos a favor e um contra, foi aprovada durante a sessão realizada na câmara de vereadores na noite de segunda-feira (27) o aumento da verba indenizatória. Com a aprovação o valor passa de R$ 5.000 para R$ 6.800.

No dia 21 de setembro o Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT) analisoua solicitação de consulta requerida pela Câmara Municipal a fim de saber a legalidade do possível aumento no valor da verba indenizatória dos legisladores de Primavera do Leste. O parecer do Pleno, por decisão unânime dos conselheiros, foi favorável ao acréscimo de cerca de R$ 1.8 mil na verba indenizatória. .

Atualmente, um vereador em Primavera do Leste tem em mãos, por mês, um total de R$ 12.247,44 levando em consideração a soma do salário (que tecnicamente é chamado de subsídio) de R$ 7.247,44  junto à verba indenizatória de R$ 5 mil. A partir do próximo repasse o valor recebido será o de R$ 14.044,44.

A justificativa do presidente Miley, em entrevista ao jornal o Diário é que há duas legislaturas não têm reajuste. “Os vereadores estavam com bastante dificuldade de trabalhar, pois a demanda é muito grande. Então, foi sugerido, dentro da legalidade, um aumento da verba. A proposta é passar para algo em torno de R$ 6.5 mil a R$ 6.8 mil, para dar um suporte melhor ao trabalho dos vereadores”, frisou Miley.

 

O único vereador que votou contra o aumento da verba indenizatória foi Manoel Mazutti, conforme já publicado pelo Jornal O Diário Manoel é o único que não utiliza a verba indenizatória.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.