Segurança Pública /

Sábado, 06 de Janeiro de 2018, 11h:31

A | A | A

Incêndio atingiu estande de balística da Politec nesta quarta-feira


Imagem de Capa

Um incêndio acidental atingiu o estande de tiro da Gerência de Perícias de Balística da Politec, localizada no Bairro Carumbé, no final da tarde desta quarta-feira (27.12). O incidente ocorreu após um perito criminal realizar um tiro na caixa de coleta de projéteis, que contém estopa.

O procedimento é feito para a coleta do projétil e posterior comparação microscópica com projeteis coletados em cenas de crimes, com objetivo de se identificar a arma que originou os disparos. Quando o tiro é produzido, o projétil sai do cano em alta velocidade e com elevada rotação. Ao entrar em contato com a estopa, esta rotação proporciona a formação de um novelo que envolve o projétil, protegendo-o de possíveis deformações acidentais, desacelerando-o e conservando as características necessárias aos procedimentos comparativos aplicados.

O material de estopa entrou em combustão rapidamente e se propagou por toda a sala, atingindo o revestimento acústico de espuma que havia na local. Toda a estrutura de isolamento acústico do estande foi consumida pelas chamas e deverá ser reconstruída. Na ocasião, havia dois peritos trabalhando no setor, mas ninguém ficou ferido.

“As paredes vão impregnando com o tempo com pólvora incombusta, devido a enorme demanda de produção de tiros no estande. Acredito que isso tenha causado a propagação na espuma", explicou o Gerente de Perícias de Balística, Emivan Batista.

Devido à porta de aço corta-fogo, as chamas do incêndio ficaram concentradas no estande até as chamas serem extintas pela equipe do Corpo de Bombeiros. O expediente foi suspenso imediatamente para a segurança dos servidores, porém, foi retomado nesta quinta-feira (28.12), exceto nos setores mais atingidos pelas chamas e fumaça.

A espuma utilizada no setor de Balística absorve o ruído interno e controla reverberações e ondulações provocadas pelos tiros. O material acústico possui em sua composição elementos que não propagam chamas, conforme as especificações técnicas (NBR 9178).



0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
O que você acha que deve ser feito com os carrinhos de lanche em PVA?
Devem ser retirados das avenidas!
Devem permanecer onde estão!
Devem ficar todos na Praça de Eventos!
Devem ser realocados para as praças da cidade!