Economia /

Quinta-feira, 06 de Dezembro de 2018, 09h:35

A | A | A

Mais da metade dos brasileiros não vai gastar o 13º salário em compras de Natal

Rovena Rosa/Agência Brasil 50,7% dos brasileiros afirmaram que não vão utilizar o 13º salário nas compras de Natal Mais da metade dos brasileiros...


Imagem de Capa
50,7% dos brasileiros afirmaram que não vão utilizar o 13º salário nas compras de Natal
Rovena Rosa/Agência Brasil
50,7% dos brasileiros afirmaram que não vão utilizar o 13º salário nas compras de Natal


Mais da metade dos brasileiros afirmou que não vai gastar o 13º salário em compras de Natal neste ano. A pesquisa, realizada pelo Reclame Aqui, foi divulgada nesta quarta-feira (5).

Leia também: Pagamento do 13º salário vai injetar mais de R$ 200 bilhões na economia

De acordo com o levantamento, 50,7% da população revelou que não pretende usar o 13º salário nas compras de fim de ano. Os outros 49,3%, no entanto, vai reservar pelo menos uma parte do pagamento para as comemorações de Natal e Ano Novo.

Entre eles, 27% pretende utilizar uma pequena parte do benefício nas compras. Outros 14% afirmaram que vão gastar uma grande fatia do pagamento, e 6% dos respondentes disseram que vão usar todo o salário nas festividades.

Grande parte dos brasileiros que resolveram poupar o 13° neste fim de ano resolveu adiantar as comprar para tentar economizar. Ainda segundo a pesquisa do Reclame Aqui, 34% dos consumidores anteciparam as compras natalinas durante a Black Friday , que aconteceu em 23 de dezembro neste ano

Dessa parcela que entrou de cabeça no dia de liquidações, 6,9% aproveitou a data e comprou todos os presentes de Natal . Outros 26,8% disseram que compraram na Black Friday, mas ainda devem adquirir mais produtos até o final do ano. 

De acordo com o Reclame Aqui, a maioria dos consumidores deve gastaraté R$ 500 com as compras da época: 34,1% disse que vai desembolsar até R$ 200 e 23,7% afirmou que pretende gastar entre R$ 200 e R$ 500.

Os outros 17% querem gastar entre R$ 500 e R$ 1 mil, enquanto 12,7% devem optar por presentes que custam acima de R$ 2 mil. Os presentes que têm preço entre R$ 1 mil e R$ 2 mil estão na mira de 12,5% das pessoas.

Confira a lista dos produtos preferidos na hora de presentear:

  1. Roupas e acessórios - 21%
  2. Brinquedos - 12% 
  3. Calçados - 10,1%
  4. Produtos de beleza - 8,7%
  5. Livros -  7%


27% prefere poupar ou investir o 13º salário, diz pesquisa

11% das pessoas prefere não gastar e guardar o 13º salário para despesas de começo de ano
Divulgação
11% das pessoas prefere não gastar e guardar o 13º salário para despesas de começo de ano

Um levantamento Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) feito em novembro revelou que dois (23%) em cada dez trabalhadores que recebem 13º salário devem utilizar ao menos uma parte para comprar presentes de Natal. A maioria (27%), entretanto, prefete poupar ou investir a quantia recebida.

Outros 17% dos trabalhadores dizem que vão utilizar o dinheiro extra para quitar dívidas em atraso, enquanto 16% vão gastar o recurso durante as festividades de Natal e Ano Novo e 13% vão pagar despesas essenciais da casa, como contas de água e luz.

Leia também: Quando deve ser pago o 13º? Veja calendário

A pesqisa ainda afirma que 11%  vai guardar o 13º salário para cobrir tributos e impostos típicos de início de ano, como IPTU e IPVA, por exemplo.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.