ESPORTE /

Quarta-feira, 11 de Julho de 2018, 15h:02

A | A | A

Campo-verdenses vão bem mais uma vez no Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu

Dos cinco participantes da cidade três conquistaram medalhas importantes.


Imagem de Capa
Paulo Pietro

Os atletas de Campo Verde, que conseguiram se classificar  para o Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu, realizado em São Paulo na última semana, fizeram um bom trabalho representando Campo Verde.

 

Dos cinco atletas que disputaram a competição do município três voltaram com medalhas no peito. O Campeonato Mundial da CBJJ (Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu) é um dos mais importantes da modalidade esportiva, somente os atletas melhor ranqueados da américa disputam esse torneio.

 

O município desde 2006, consegue trazer todo ano uma medalha para cidade, levando em conta o tamanho do município, a representatividade do Jiu-Jitsu campo-verdense é enorme. Além das medalhas, o faixa preta, Professor Marcos de Souza, entrou para história sendo o primeiro arbitro da cidade a atuar em um campeonato mundial.

 

“Com certeza é um bom resultado, temos sempre que agradecer a Deus, aos nossos apoiadores, que confia no nosso trabalho, desde 2006 estamos trazendo medalhas do mundial para Campo Verde. Quanto a participação na arbitragem do mundial, para mim foi uma honra muito grande, quando falamos de Jiu-Jitsu no Mato Grosso muitas pessoas desconhecem, então chegar a arbitrar um mundial é um feito enorme e uma satisfação pessoal muito grande,” disse Marcão.

 

 Os atletas Wily, Thais e Cauã, conseguiram conquistar medalhas no mundial. “O nível dos atletas e quantidade de competidores que tinha nesse campeonato era muito alto, cada ano que passa a competição fica mais acirrada, mas graças a Deus conseguimos trazer essas medalhas, comprovando nossa qualidade. Para isso treinamos bastante e sempre estamos evoluindo nossa qualidade técnica e aprendendo novidades, elevando o nome do nosso município e do nosso estado, esse sempre foi nosso foco,” revelou Wily, que conquistou medalhas em 2015, 2016, 2017 e 2018 neste campeonato. A atleta Thais também vem se destacando nos três últimos anos da competição ela vem conquistando medalhas para cidade.

 

Wily ainda no mês de agosto, vai enfrentar mais um desafio, sua quarta luta de MMA na carreira, no município de Tapurah-MT.

 

O caminho dos atletas para esta disputa de Campeonato Mundial, foi possível somente graças ao apoio dos patrocinadores e da Prefeitura Municipal de Campo Verde, eles é que ajudam esses atletas a se manterem firmes, treinando e disputando as competições de alto nível, por isso um agradecimento especial as empresas:

Point do Açaí

Valéria Zacarias

Farma +

Chaplin Dogueria

Sil Fitness

União Center Car       

Mundialcv2018

 

Mundialcv2018

 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.